• Home
  • Notícias
  • Igreja no Brasil
  • Celebrando Santo André Apóstolo, Diocese de Santo André lança hino e logotipo comemorativos aos 70 anos de criação

Santo André

Celebrando Santo André Apóstolo, Diocese de Santo André lança hino e logotipo comemorativos aos 70 anos de criação

A celebração foi marcada pela apresentação do logotipo e hino comemorativo dos 70 anos da Diocese de Santo André, seguindo o lema do 8° Plano Diocesano de Pastoral, “Acolhida e Missão”.
 |  Diocese de Santo André  |  Igreja no Brasil
Diocese de Santo André

Uma noite especial de quarta-feira, 30 de novembro, para todos os diocesanos da Igreja Particular das setes cidades do Grande ABC, pois solenemente a Diocese de Santo André celebrou seu padroeiro, Santo André Apóstolo.

Santo André participou de toda a vida pública de Jesus, viu todos os milagres que o Mestre realizou, ouviu todas as suas pregações e ensinamentos. Experimentou a própria fraqueza fugindo quando Jesus foi preso, mas experimentou também a alegria do perdão vindo de Jesus ressuscitado e a força do Espírito Santo no dia de Pentecostes. Tudo isso moldou para sempre sua personalidade e ele se tornou um grande Apóstolo.

Apóstolo da coragem e da alegria, Santo André foi fundador das igrejas na Acaia, onde testemunhou Jesus com o seu próprio sangue, já que foi martirizado numa cruz em forma de X por volta do ano 60, a qual recebeu do santo este elogio: “Salve Santa Cruz, tão desejada, tão amada. Tira-me do meio dos homens e entrega-me ao meu Mestre e Senhor, para que eu de ti receba o que por ti me salvou!”.

E é nessa alegria que emana de nosso padroeiro, que todos os fiéis diocesanos, o clero, seminaristas e religiosos estiveram presentes na linda celebração na Paróquia Santo André, a matriz rosa da cidade de Santo André, unidos a seu bispo diocesano, Dom Pedro Carlos Cipollini.

Todas as dez regiões pastorais marcaram presença, e vivenciaram como sinal de unidade diocesana, a novena dedicada ao nosso padroeiro, meditando e contemplando a vida de Santo André Apóstolo, que para nós é um grande exemplo de acolhedor e missionário.

O início da celebração foi marcada pela apresentação do logotipo e hino comemorativo dos 70 anos da Diocese de Santo André, que será celebrado em 22 de julho de 2024, seguindo o lema do 8° Plano Diocesano de Pastoral, “Acolhida e Missão”.

Dom Pedro trouxe em sua homilia o exemplo de Santo André para nós, apóstolo que acolheu a Palavra de Deus: “A história de André é a história de uma acolhida: a acolhida da Palavra de Deus. André e Pedro escutaram o chamado e aderiram prontamente. A escuta da Palavra tem uma consequência. A escuta nos compromete, pois exige uma resposta que empenha toda a vida e a vida toda. A Palavra de Deus não é palavra humana, é palavra divina. Não é fácil escutá-la e executar o que ela nos pede. Exige renúncia e empenho, porém, é palavra de vida eterna.”

“Bendigamos a Deus por nossa Diocese, Igreja viva e dinâmica que sai renovada deste período de pandemia. Renovada pela caridade, pela unidade, pela determinação de todos, de seguir em frente com nosso 8º Plano Diocesano de Pastoral, resultado do primeiro Sínodo Diocesano que continua dando seus frutos”, agradeceu o bispo diocesano. 

Padre Tiago Síbula, pároco da matriz, agradeceu a dedicação da comunidade pelos festejos do padroeiro, que também é dedicada a Santo André Apóstolo, e ressaltou sobre a unidade diocesana através da novena que antecedeu a solenidade, que reforçou a devoção ao santo padroeiro diocesano.

Ao final da celebração, o Vigário Geral Padre Joel Nery, apresentou a todos a camiseta com o logo dos 70 anos, que está à venda no Centro Pastoral, e os pedidos também podem ser feitos pelas secretarias das paróquias.

Logotipo dos 70 anos – “A multidão dos fiéis era um só coração e uma só alma.” (At 4, 32)

Na visão global do logo dos 70 anos procurou-se valorizar elementos marcantes da história diocesana, a unidade do povo de Deus ao redor da eucaristia.

O numeral 7 dos 70 anos foi delineado como um báculo, utilizamos para tanto o báculo do primeiro bispo, representando a sucessão apostólica e o pastoreio.

“Eu sou o bom pastor. Conheço as minhas ovelhas e elas me conhecem. Por elas dou a minha vida” (Jo 10, 14.15)

No 7 (báculo) se entrelaça a barca da Igreja diocesana, que é guiada por Cristo, através de seus pastores. “Onde está o Bispo, aí está a comunidade, assim como onde está Cristo Jesus aí está a Igreja Católica” Santo Inácio de Antioquia.

Na barca contém a cruz de Santo André, justamente demarcando-a como Igreja Diocesana.

Como integrantes da barca todo o povo de Deus reunido e unido ao redor de Cristo Jesus, tendo como centralidade a Eucaristia, representando também a fraternidade.

Cabe ressaltar que esta imagem das 7 pessoas, lembrando os 7 municípios que compõem a diocese, foi utilizada como logotipo diocesano por muitos anos, antes de haver um brasão.

Nosso site está especialmente preparado com um página para o Jubileu dos 70 anos, que será atualizada constantemente, acesse e fique por dentro de tudo!


Cúria Diocesana

Rua Lira Paulista, 30
Jd. Bom Refúgio - São Paulo
05788-320

11 3584-9000


© - Diocese de Campo Limpo.
Voltar ao Topo